fanzine Tertuliando (On-line)

Este "blog" é a versão "on-line" da fanzine "Tertuliando", publicada pela Casa Comum das Tertúlias. Aqui serão publicados: artigos de opinião, as conclusões/reflexões das nossas actividades: tertúlias, exposições, concertos, declamação de poesia, comunidades de leitores, cursos livres, apresentação de livros, de revistas, de fanzines... Fundador e Director: Luís Norberto Lourenço. Local: Castelo Branco. Desde 5 de Outubro de 2005. ISSN: 1646-7922 (versão impressa)

terça-feira, setembro 25, 2018

Ovo de fogo cao. XIII

Como as brincadeiras das crianças Pipa vivia do ar . Olhava a vida como mum imenso mar azul cozinhado por uma magífica farinha branca de neve que inalava pelo nariz em momentos de grande prazer . Pelo meio haviam as grandes florestas de vestidos e sapatos da qual a menina gostava de experimentar na bela e fecunda fada do consumismo e que por si só dava para doar a uma obra de caridade religiosa ao qual ela mesma gostaria de pertencer . A Irmandade das Tias Católicas , púdicas, refrescantes e absolutamente loucas . Durante a noite procurava um sultão que a amasse e lhe desse vestidos , jóias e que lhe desse festas que continuasse a dançar depois da meia –noite . “Os sonhos de um papagaio de fio arrastado por uma criança tem consequências desastrasoas “, diziam as línguas mais afiadas . Pipa ou melhor Filipa vivera toda a sua vida num conto de fadas enredada pela velha Nárnia de cabides , calças e cintos da Mosquino e todas as roupas de marca que existem no mundo .
A sua casa era como um porto num dia de tempestade , as gaivotas aportavam por ali , bebiam até cair , algumas ficavam para receber a comunhão da sacerdotiza antes de proclamar a homilia perfeita da sua semana . Um cheiro de Coca . A cocaina dava-lhe viagens múltiplas entre flores , prados cheios de anjos com ténis da Nike , chás das Cinco e discotecas no Além , onde à entrada estava S.Pedro com t-shirts justas ao corpo da Dolce e Gabanna , calças muito justas para se ver bem as partes da frente e a forma bem torneada do rabo. Sim , aquilo é que era o céu onde se podia cheirar ali e dentro , beber até cair .

Depois vinha o acontecimento musical , um gemido e uma letra bem afinada onde os corpos se misturavam numa algarviada que nem a deusa do Amor Babilónica se lembrava de ver e de certeza taparia os olhos …

A menina estava estava sempre pronta para a diversão era uma louca alegre . Destes amigos gaivotas , a sua rede desaparecia um dia . Naquele apartamento estavam todas as pessoas necessárias . A autêntica Maria Joana Canabis , o Pastilha , todes eles lá viviam de bom grado , por afinidade ou desespero da sua vida . Mas a sua grande paixão estava na sua linda cadelinha Coca- Cola branca a quem ela chamava carinhosamente de Coca . Muito pequenina como um novelo de lã , a Pipinha fazia-lhe todas as vontades .
Os seus namorados iam e vinham , porque tinham que ter linhagem , como ela sonhava . Tinham que ter uma casa de banho , e ter casa construída de raíz e ao mesmo tempo dez ou quinze anos e ter um diminutivo e tratarem-na por você .

No fim todos comentavam “Foi você que pediu uma pipa ? “Aqui estou eu , quero ter filhos , ocupação compras em todas as lojas da baixa,não é máximo da caturreira ? “

Pipinha a menina ainda tinha que aturar com os amigos alegretes , enrabadetes ou melhor que davam para um único sentido . O António de Oliveira Salazar . A primeira vez que ela ouviu este nome … delirou . “Que máximo !É da família do Senhor Presidente do Conselho ? “

- Claro , disse o rapaz mentindo . Sabendo que se tivesse um nome ilustre acabaria por ficar lá de graça . Até quem sabe , casar-se com ela . O que ele não sabia é que ela procurava o mesmo que ele um namorado rico . Bem vistas as coisas , no lugar de se
estragar duas casas , só se estragava uma . Diziam algumas pessoas , só diziam longe , como os cães que nos ladram ao longe e por perto vendo a comida chegar abanam-nos a cauda . Tão perfeito este mundo que até encanta ! Era assim o mundo encantado dos brinquedos na terra da Tia Pipa . Todos por um e todos por nenhum , era o salve-se quem puder . Um arraso . Quando a amiga , saía . Pastilha ou melhor o António de Oliveira Salazar . Ia ao quarto da Pipinha e experimentava os vestidos dela … Sabem porquê ?
Porque ele era uma alma sensível , gostava tanto dos direitos das mulheres , até quem sabe fundaria um partido em prol delas , até quem sabe , como aquela personagem da Vida de Brian diria “A partir de agora passo a ser a Antónia , a Antonieta , a Tieta do Agreste , quero fazer a adaptação da obra de Jorge Amado para teatro . Continuava a sonhar aquele actor frustrado . Algumas pessoas canatavam-lhe aquela música dos Habba sobre a Meia Noite e o Engate quando viam passar os futuros canditados a namorados da sua querida amiga Pipa de Noronha , pois era assim que ela gostava de se chamar . Por seu lado António tinha espectáculos , como actor . Não era um actor qualquer , porque fazia um papel que adorava . Ele dizia ter-se inspirado nas tragédias gregas como O Rei Édipo de Wiliam Sheakeaspeare . Mas não era de Soflocles perguntavam-lhes ? Mas vocês que me estão a ouvir , sabem que não é bem assim . O António é que sabia , porque ele era muito inteligente . Era um homem culto , refininado , como todo aquele filho que foge de casa de uma mãe possessiva através de cultos muito sábios do antigamente e que só os mais velhos é que sabem tudo . Meu Deus , como a tradição oral é preciosa . Todas as noites de sexta feira Pastilha ia para um bar de encontros românticos para os animais da sua espécie que só atacam de noite , em bares , encontros imediatos de rede electrónica com direito a ficar à espera de uma resposta positiva . Porque essa bicharada quando sai dojardim zoológico é para assistir de camarote . É tão colorido , tão cheio de plumas , mas este actor nunca , mas nunca acertava uma para a caixa .Mas sem ele saber lá estava a sua amiga Pipa que o via sem saber , porque adorava aqueles espectáculos . Ela era tão gay frendily e sabia todas as fotos dessses encontros , como é que eles se chamavam e podiam comunicar uns com os outros . Ela até tinha um nick para vê-los , porque também gostava de mulheres .Já viram a coerência desta mulher ? Digamos que era uma espécie de salada de frutas combinada , com martini , moscatel de Setúbal , queijo fresco , nozes , e outras frutas secas . Quem vai a uma loja de frutos secos sujeita-se a ficar com acne para o resto da sua vida .

Todas as sextas feiras depois das duas da manhã e depois de ter inalado mais um pouco do pózinho , ela assistia a uma espéctaculo da Kavazaki Histérica .
A Kavazaki Histérica não era uma mulher qualquer no meio daqueles possidónios como Pipa dizia , a Kavazaki cantava ópera , jazz , tudo aquilo que esta gente não conseguia entender . Mas conseguiam fazer um único exercício físico para além de irem ao ginásio comprarem tomates podres para atirarem na linda Kavazaki .
- Kavazaki , vai para a garagem ! –dizia o público .

No entanto esta linda beldade tinha outros atributos fumava canabis , pastilhas e durante este mesmo período tinha visões onde falava da moral e dos bons costumes o que fazia as delícias de Pipa . Ali naqueles momentos de rara beleza ele transformava-se num verdadeiro pastor das almas falando para uma árvore imaginária chamando-lhe Ginginha . Ali estava as origens daquele estranho vício , o latim,o hebraico e todas as recordações da ordem e da disciplina . Pastilha fora um seminarista . Bom ao menos iniciara-se numa batina para fazer os seus papéis de transformismo . O amor ao
próximo era uma virtude e ele gostava de mendigar como se fosse o primeiro sacerdote masculino em honra da Madre Tereza de Calcutá . Ele chamar-se-ia o Terezo de Calcutá . Tinha um raro dom para a pureza e nesse sentido ia buscá-lo à expressão máxima da sua mãe Dona Maria Gomes da Costa que ele evitava falar .
Pipa não sabia nada disto apenas vira um dia à sucapa estas confissões num diário secreto que ele chamava “Memórias Secretas da ültima reencranação da Maria Antonieta “.Todas estas revelações vieram por-lhe a pulga atrás da orelha . Ela tinha que o ir visitar , descobrir quem era a sua mãe . Viveria ela em Santa Combadão ?

Fora ver os rostos de que vistara nos sites de conversação de homossexuais e vira um nome de uma árvore Cerejeira . Ali recordou as alucinações que assitira na discoteca . Mari Ju já lhe havia dito que ele seria um seguidor de Oliveira Salazar , tinha todos os discursos decorados . Parecia uma cassete Salazar repetia todos os discursos . Pipa apetrechou-se de uma ponta de coca e inalouo pó encima de um dos livros para ver se o contéudo lhe vinha todo sem ler … mas ao que parece isso seria impossível .

Numa dessas alturas Pipa via o Demónio do Comunismo que a insitava a deixar toda a onda de conformismo e tornar-se numa proletária e via a sua querida amada : Totta . Como é que era possível a sua eterna mentora ser uma mulher demónio ? Tudo era possível não lhe contara a sua amiga Mari Ju que a primeira mulher de Adão era Lilith ? Não seria ela o Demónio que comia as criancinhas ao pequeno almoço ? Oh , meu Deus fora ela que ditara as palavras ao pai do Comunismo Karl Marx ? Karl Marx não era judeu ? Por isso é que Hitler queria matar os judeus ? Ai Meu Deus que confusão vai nessa cabecinha , disse-lhe a amiga que era um crâneo em História . Fora para isso que fazia uma licenciatura ?

Ovo de Fogo Cap. XII

Coisas de  historinha...Amor  como amor se paga


Sempre gostei   de histórias de  terror . Apesar de viver com todas as mordomias que a minha família  me proporcionou , levou-me desde criança  a procurar o elementar Vlad Drakul . Em pequena desaparecia  horas , procurando o papão , ou qualquer mito contado  pelas gerações , primeiro papão , depois aqueles trastes e mais tarde nem vale  a pena referir. Quando  me tornei autónoma  ,andei de biblioteca em biblioteca, arquivos e registos à procura de uma  boa aventura .

Para além desses seres misteriosos  da noite do qual me  tornei fã  do verdadeiro e original Drácula o qual lutou contra os opressores  otomanos , e que muitos séculos depois  ele  receberia  honras e de ter dado  conta  dos  invasores , foi através do  romance  o  Historiador  que eu me tornei  historiadora , queria seguir as pisadas daquela  professora , sentir  os  cheiros dos  arquivos , do enigma  dos  documentos e daquilo que eles me  diziam , assim como os  ossos  , e outros  documentos são para os  arqueólogos e  médicos legistas, esses documentos  também me contavam as suas  histórias ,e  foi isso que  sempre me  importou na  história , contar uma  boa  história e não fazer dela  uma  instrumentalização do poder , da política ,sempre  odiei pelas  diferentes razões que  os  estados  totalitários usaram o passado em prol de um povo perfeito e  o mais  estranho é que a antiguidade  surge sempre  como o estado perfeito, como a Atlântida . Hoje em dia ninguém sabe  se existiu ou não , mas  que a marca  de uma  civilização perfeita  que  é apropriada não só para modelos  políticos , mas também para filmes , livros , contos e histórias de ficção científica e nas telenovelas  .Mas as  histórias que nos contaram  podem ter diferentes rostos , quem se dedica  à pesquisa  histórica , bem sabe disso , por essa mesma  razão incomoda muito quando se  diz que não existe  história  contemporânea  ou que  determinados  povos eram extraterrestres , dou-vos dois casos , um deles  é o da terra  onde vivi na  minha  infância  Canha  onde  toda a gente  afirma ter existido um  castelo , mas o mesmo  não aparece em lado algum , apenas nos  memórias dos mais  velhos  que lhes  contaram, mas esquecem-se  que  essa terra  fazia parte da  Ordem  de Santiago não ?
O segundo caso tem a ver com os  Egípcios , é verdade , a maioria das pessoas  acreditam que eles eram extraterrestres , seres estranhos , pela  sua  forma de vestir , de pensar , pelos  mitos , pelas  pirâmides . Alguns e algumas dão aso a isso  colocando a  Alice de  Lewis Carrol , Pablo Picasso ou mesmo até o recente gabriel  Garcia Marquez como herdeiro desse  campo ... ou noutro caso  seria  Freddy Marcquery a reencarnação de  Ramses II ? Só   para vos dar  exemplos tudo isso  pode ser uma boa  estratégia  para fazer um mestrado em  Egiptologia ou  procurar recepções da antiguidade , na história , os filmes de Rocky fazem essa mesma  apropriação da  história de  Aquiles e de  Heitor , até a  história de Vertigo  vai beber de  Pigamalião , e então meus  amores , se formos a  Fernando  de Noronha  e  criarmos uma variante de  Homero , mais  tropical onde um Ulisses é um escritor  com  uma crise de identidade , ou até Jocasta  é filha de um comunista  , vítima da  ditadura  militar e a história de  Rei  Édipo é transformada  numa tragédia brasileira  , com  pais e mães de santo onde  tema da  tragédia , do destino se designa  na história  brasileira  por Mandala  que na realidade  vai desaguar no Karma e esse nome  não é afinal um parente afastado do destino ?

Quando  em 2010  optei por  fazer o mestrado  em História Contemporânea para  estudar o quer que  fosse  , ligado aos  últimos acontecimentos ligados ao médio oriente  sobre o Iraque, ou que havia acontecido não sabia de modo algum que fazer ligações entre  o passado e  o presente teriam efeitos secundários , muito menos questionar a qualidade do ensino , ou a metodologia de alguns ou algumas  historiadoras . O grande erro  dos   mestres e doutores  não é  pesquisarem , mas sim tornarem-se escravos dos seus próprios arquivos , de não terem o diálogo e de viverem com medo da mudança . Como diz a sabedoria  popular em casa de quem não trabalha , todos ralham  e ninguém tem razão , no dia  em que todos deixarem de pesquisar os mesmos  arquivos , e se  existem tantos casos sobre o Estado Novo pois agora já se ouvem  vozes que  exclamam e exultam pelo seu regresso , pois esquecem -se uns do que os seus pais e avós passaram , há outros que  se tornaram detentores da verdade  e o mais irónico e aqui sou capaz de concordar  com alguns velhos do Restelo ,é que a história antiga e que muitas  vezes aqueles  que foram perseguidos , tornam-se então os verdadeiros caçadores incapazes de  pensar  ou de reflectir naquilo em  aquilo que se tornaram , alguns deles que foram advogados  ou que estudaram ciência política se  tornem depois  historiadores de uma causa , não se esqueçam eles que a cidade é assombrada  por uma misteriosa peste a que todos  querem acabar , e que para isso  surge  um herói que  terá que passar  por duras provas , oxalá seja o filho do rei para descobrir que matou o pai e casou a mãe , oxalá não descubra como na Oração da Peste de Musrsillis II que   foi o seu  pai que  deu origem a essa  tragédia ...Talvez possamos  usar a velha  máxima do  universo " Amor com amor se paga " , ou na maior parte dos casos se diz que" aqui se faz , aqui se paga ..."  Parece  que  o passado  está regressando e que a lei do universo  ou da lei  da  vingança como se fazia  no Antigo  Testamento da  Bíblia ou mesmo até na  Grécia antiga havia  a lei da Prorréssis , o direito da  vingança , em que os familiares deviam limpar o nome dos  pais   haviam sido caluniados .
 A história deve ser  cega tal como a  justiça , sejam ricos ou pobres , sejam quais forem o regimes , mas  não só do lado de certas  posições da táctica do xadrez porque aí sim acabamos por  abrir a nossa  sepultura , ou na melhor das hipóteses daremos a aso a criar um bordão de uma personagem da  Rainha  da  Sucata  dita   pelo saudoso Paulo Gracindo  " Coisas de Laurinha" quando a esposa fazia as piores patifarias , para  se  manter intacta . Assim poderemos  dizer em relação à história ou a alguns pseudo historiadores que usam a sua  posição  política   para fazer  historia  , porque não são capazes de olhar para lá do  arco -íris , não conseguem descobrir que  afinal que o velho  feiticeiro de Oz não tem capacidades mágicas  para transformar  os arquivos em fontes vivas , porque só sabem ver o que lhes  convém , talvez sejam  como a rainha de Copas  e que gritem "Cortem-lhes a cabeça ". Por isso só podemos  dizer como Betinho Figueiroa " Coisas de Historinha " .

quinta-feira, setembro 06, 2018

Ovo de fogo Cap. XI

Olá !  Eu chamo-me  Marx e o mano aqui  do lado chama-se  Engls ... É verdade , meus putos , temos estes nomes  invulgares , não porque os nossos  pais sejam de ideias de esquerda , mas  nós achamos , no meio da nossa  tribo de writters  que o melhor seria dar um nome  pomposo  da filosofia  política e  ainda leva o mundo  a andar de candeias às avessas  !  A utopia  dá sempre uma  boa viagem , com um local de destino daqueles a que  nós ao fumarmos uma  boa terapêutica passa  chamada  Canabis ,,,,mais um daqueles   comprimidinhos  nas pistas de dança nos levam a milhares de lugares ...
  Canabis poderia ser o  nome de uma passa de tabaco , mas  na verdade  é a nossa  melhor amiga , em alturas de apuros em que assumimos o nosso verdadeiro relato contra a humanidade e a injustiça .
 A nossa sociedade secreta  em  Utopália está com os dias  contados e nós tipo , cientistas marados de   viagens  no tempo optamos  por nos encontramos  com aquele que o pai do socialismo  marxuista , do comunismo e de outras oportunidades .
Deixem  que vos diga que a nossa aventura começou no dia  1 de Maio , no dia do trabalhador , só não sei o que nos  aconteceu depois , porque a batida foi verdadeiramente forte , porque levamos alguns dias e horas  a descer à  terra ....

Tudo nos  aconteceu , foi porque fumamos um  pouco do ovo de  fogo , do dragão  , para o cenário que íamos desenhar naquela parede e aquele  cenário ,mano ia  ficar mesmo  bacano , mas há dias em que nós  temos mesmo azar e nem por Marx , Rosa Luxemburg , Estaline , ou Che guevara , todo o mal do    capitalismo nos aconteceu...


Carro , autocarro , boleia , nada , a primeira coisa  que nos aconteceu foi termos sido abordados pela  polícia ,  quando nos pediram os nosso papéis ... Apenas conseguimos um  daqueles  transportes , cheios de  galinhas, porcos e  começamos  a falar com eles  , mas por incrível  que pareça , os bichos conversavam connosco e davam-nos conversa . Seria imaginação nossa , ou seria   nosso  estado  avançado de utopismo sociológico   ficamos a falar   com porcos e sentimo-nos mais  uma  daquelas personagens do Triunfo dos porcos e  achamos que  devíamos  lutar contra os Macdonad´s , e a carne do Porco, e sermos  vegetarianos . .   Decidimos  por de lado a revolução e   irmos ao encontro da nossa maior  eleitora ,a jovem  Sarah .....  e encontramos   a   razão da nossa  viagem : alguém nos tentava   alvejar , só sabíamos que  naquele momento deixamos a filosofia  política de Parte e passamos a ser George Orwell  .e  Ernest  la  Fiesta  ....


terça-feira, setembro 04, 2018

Ovo de Fogo Cap . X




Enquanto  esperava o  seu colega  Necessidade  estava em dúvida , cheia de medo , com aquele nervosismo habitual da primeira vez ...  Enganem-se de que não é aquela  primeira vez , do outro lado  o Troll  ou hacker de nome  Quitoso  fotografava  a  jovem historiadora que nos  tempos livres se  fazia passar  por vampira zombie . De onde  é que aquilo lhe viera  à  cabeça ?
Talvez  das suas pesquisas sobre o império otomano se devessem a dois motivos a Bram Sotocker , as suas pesquisas  que fizera para o mestrado em Litertura inglesa  onde  procurara a  história do famoso Drácula e daí ter tido a  ideia  para o jogo " Ovo de  Fogo " .
Vlad Drakul pertencia à  família do   dragão e ao mesmo  tempo, foi até mais  longe na busca de um homem  que  lutou bravamente  contra o povo invasor , católico fervoroso ,  valeu-lhe  talvez a dimensão minuciosa da descrição  de Elisabeth Koslova no romance  " O historiador " A  partir dessa altura começou a interessar-se pelo  povo invasor , e sabia  também que parte dos seus antepassados haviam  fugido  para lá , retornando nos anos quarenta com as  chaves de  casa . Sarah   odiava  aquele período sombrio , e  voltar a  Jerusalém era um martírio , as histórias de violência . Em vez de  ouvir  histórias de príncipes e princesas  ouviu desde miúda histórias de sobrevivência . O alemão era   uma língua proibida  na família .  Aos onze anos  com Bazar Miznov  aprendeu hebraico  clássico e decidiu  seguir literatura para poder  criar  outros mundos , mas foi aquele  romance que a  fez voltar atrás , ir à procura das suas raízes .    E lembrava-se então de um grupo de  homens e mulheres que  faziam parte de um   imaginário da sua  família ,de histórias em  cadernos empoeirados e de  se inscrever no Goethe Institut  às escondidas para  aprender alemão e história antiga , a  história  da anatólia    hitita , das peripécias da primeira  guerra mundial .  Por isso  enquanto esperava  pelo  Ulisses  XXI  , ou  com quer  que fosse  entretinha-se a  ler  o seu artigo com base em duas telenovelas turcas O magnifico Sultão sobre a  vida de Sultão Suleiman e da  Sultana Kosem . Não nos devemos esquecer  que  ela sabia  a antiga língua  persa , o  farsi ,  o turco , e da mesma  maneira  que  sabia essas línguas enigmáticas ela  aprendia  também as línguas  indo-europeias . Naquele instante revia  o artigo  " Sultanas , Sultões e haréns  e o  imaginário do médio oriente na  ficção literária , musical e  televisiva para a revista  Femina  :


"  (...)O harém  denominado cerralho  por Mozart descrito como locais de perdição nas cartas Persas de Montesquieieu  , mas foi ao longo  dos séculos que  os haréns foram descritos como lugares de luxúria , quer através do imaginário europeu , quer através do   fascínio ou ao mesmo tempo nas descrições dos quadros pintados pelos pintores  franceses nos  momentos de independência europeias .  Todos esses elementos   deram-nos uma  imagem errada de um local estritamente feminino , proibido aos homens tendo  como condição  ser.se  membro  da  família . Nesse caso , o imaginário do harém centra-se sobretudo na força de duas mulheres  Hurrem  e  Kosem que deram cartas  na  história do império otomano . Assim sendo  e conforme  o  título indica pretendemos  dar a conhecer  duas mulheres  evocadas recentemente em  duas novelas  de época   turcas  se centram em mulheres de estado na verdadeira   noção  política  definido    por Maquiavel . Ao longo desta apresentação iremos    conhecer a sultanas  Hurrem e Kosem .(...)"


Naquele instante   o telefone  toca , erao  tal jovem que se ia  encontrar  com ela   que tinha o nome de  código Hooper que escolhera aquele  local  , pois aquele local  lhe fazia lembrar o famoso  quadro " O automato " .
-  Nec  ,  sou Hooper , temos que  sair  daqui , Quitoso  está à nossa  espreita e o nosso  disfarce não pode ser  descoberto ! Ninguém pode saber   das próximas  movimentações do  Ovo  de Fogo. Tens que  sair  daí , mas  discretamente . Rápido .

Naquele instante um  vulto   preparava-se para  acertar em  cheio  na jovem  historiadora . O que teria ela  que o  podia por em perigo  a identidade deles  ? Ou quem queria  revelar aquele  grupo ?


Ovo de Fogo Cap IX

Pois  ali  estava  ela , a nossa artista , a famosa necessidade compulsiva  a    contemplar uma  chávena de café , olhava o  fundo da chávena , como se pressentisse  nas borras do  café a desgraça  que  vinha por ali .  A sua avó uma  turca que vivem nas margens de Bósforo  lutara Há muitos séculos   com aquele afamado  Conde Drácula , o tal Vlad Drakul . Diziam  agora que ele  havia chegado a Setúbal , mais ou menos com o nome  de  Ulisses  na Praia de Troia , ou simplesmente na Ilha de Acalá . Esperava o seu informante , fora da net  "Necessidade Compulsiva"  , a vampira zombie era  uma  detective  , uma mulher polícia .   Ao lado ouvia  o murmurar das pessoas , que  entravam e  saiam da rua no meio daquela tempestade  infernal .

  Do lado de fora surgia o misterioso jogador Dj FJC   com quem vinha falando no site de  Ovo de Fogo ...
Do outro lado , observou o contraste do claro e escuro, das  luzes que iluminava a rua .  Observava-os ao tal Fred,  e à Zombye e ele  Quitoso , havia de lhes dar  a prova concreta daquilo que queria ou retirar-lhes  o anonimato .

segunda-feira, setembro 03, 2018

Ovo de Fogo Cap. VIII


Como terão entendido  a forma deste jogo o " Ovo de  Fogo " tanto me permite  ser Martinho Lutero , Gil Vicente , D . João III  , ou outra personalidade qualquer , há algum tempo atrás alguém tinha um programa de  computadores que  os fazia  entrar no tempo dos antigos , indo aos mais sinistros tempos ,  como qualquer nave espacial este jogo ,chamado  Jogo de Fogo permite-me também ser um autêntico  Cristiano Ronaldo da  estratégia e ver os Galgos de  Amadeu de Sousa  Cardoso ,será ? São tantas as épocas que os  vejo com um número  7 , depois  viajo até  Troia e  vejo as almas penetrantes , mas essa  aventura contar-vos -ei em  breve , do que se passou entre os dias  13  e 27 de Julho , que me dei conta que  um  jovem cheio de tatuagem internauta e haker como eu , se chamava Baal  e vinha de um tempo muito antigo , mas  isso  contar-vos -ei   amanhã ou depois , porque somos imensos  , inúmeras pessoas  à procura da mesma   coisa . Até há uma  Haker chamada  Necessidade  Compulsiva e se faz passar  por  vampira ... aqui há de tudo .... porque todos nós , gostamos  mesmo é de jogar!

 Jogar , jogar e jogar ! Entrar dentro de um outro mundo, um mundo onde entramos dentro de uma realidade , entramos dentro de outros espaços , palácios.E é tão bom esquecermo-nos daquilo que fazemos do que somos e entrarmos dentro de outra realidade .

Deixamos de ser nós completamente e passamos a ser outra pessoa noutro universo, entrar em casas  ou  palácios , como vos falei , sermos autênticos jogadores , sentirmos o perigo à flor da pele e não sabermos quantas vidas iremos ter . Os nossos inimigos espreitam-nos cada esquina . Confesso afinal quem sou , sou Assassino , um descendente directo , tenho esta aparência
 de rapaz de doze anos que estudo aqui mas trago uma carga muito pesada , quero recordar outros tempos , ir até à Idade Média , aos tempos das lutas contra os infiéis  , mas agora estou a revelar-vos e vender-vos a memória , uma pequena cápsula dentro do nosso olho como se fosse uma lente e conseguimos ver tanta coisa . Só tenho apenas uma única preocupação … como heide passar ao próximo nível dos Assassin’s Creed ?

Neste jogo todos nós descobrimos que somos assassinos , ladrões e recordamos a vendetta contra a nossa família em Itália … e tudo isto foi-me dito por Júpiter , o rei dos deuses , equivalente ao rei dos deuses gregos , Zeus , Minerva , a deusa da sabedoria que é apresentada por uma coruja em Atenas e por fim Hera ou Juno , todos eles estão presentes e que me dizem o que fazer … apenas tenho que recuar e avançar no tempo . Foram estes seres imortais que me deram a oportunidade de poder jogar , pois é realmente aquilo que eu gosto de fazer. Tchau malta até amanhã !