fanzine Tertuliando (On-line)

Este "blog" é a versão "on-line" da fanzine "Tertuliando", publicada pela Casa Comum das Tertúlias. Aqui serão publicados: artigos de opinião, as conclusões/reflexões das nossas actividades: tertúlias, exposições, concertos, declamação de poesia, comunidades de leitores, cursos livres, apresentação de livros, de revistas, de fanzines... Fundador e Director: Luís Norberto Lourenço. Local: Castelo Branco. Desde 5 de Outubro de 2005. ISSN: 1646-7922 (versão impressa)

sexta-feira, julho 26, 2013

SANTA MUERTE CAP.06 II TEMPORADA



Consultório Doutor Betteleim

- Bom dia, Lilith! - diz Bruno quando chega ao consultório no dia seguinte. Mas o que é isto? - Outra vez aqui !Mamã? Parece que isto passou de um consultório para uma casa murtúaria...
- Não, Bumbuizinho! Isso é que não, este consultório tem maus fluídos. Já reparas-te nas tuas pacientes? Carochina, Joaninha à Voa- voa? São quê actrizes pornos? AQui na nossa terra?
- Pelo que eu saiba, todos os meus pacientes nunca fizeram queixa de mim...
- Pois... eles ficam cada vez mais apegados ao seu medicuzinho... Ah! Ah! Vocês psicólogos, são como aqueles pastores de igrejas desonestas que dizesm às desgraçadas das pessoas que elas estão curadas...
- Ai sim? O que pensa fazer mamã? Faça você mesma uma queixa contra mim, à ordem! O que fez à Lili?
- Saí com ela ontem, fomos assitir a um streap tease masculino, pedi ao rapaz para se vestir de coveiro, dei-lhe 200 euros, mas ele fez o que me pediu...
- Pus LSD na bebida dela...
- Mamã, vai mas é levar um par de patins ou um carro funerário e "zarpar" daqui!
- Mas o que é isto, BUm ? Que raio de linguagem é esta? Depois mandei que tirassem fotos dela toda nua a fazer obscenidades ao rapaz...
Ah! AH! tinha uma tatuagem original " Eu quero acabar como a Diana dos "Laços de Sangue "... quero ser enterrada viva ..."
- Aí há Mamã ...
- Vamos mudar isto...
- Num centro paroquial gótico? Não... Vcê vai desmentir tudo, diz que foi uma campanha promocional e vai voltar...
- Não, querido! Por favor não , o teu pai vive...
- Com um homem por isso está assim?
-SE fosse isso, sempre me deixava eu fazer aquilo que eu queria... mas ele deitou as roupas todas fora. Tem uma escola de surf. Expulsou-me de lá, diz que eu tenho ar de abutre, chamou-me Nekhbet...
Colocou lá uns rapazes e umas raparigas...
- A não ser que decidisse transformar essa beatice zombi... Não me admire nada que seja a mamã a barata zombie e que está vesga, não é mamã? Há quem diga que todas as pessoas que foram vítimas estão cobertas com um tecido roxo... não me quer explicar isso?

Quinta da Zombie...

- Querem explicar-me o que vem a ser isto? -perguntou a nodióloga.
- Desculpem mas vocês andaram a ler a tese de doutoramento de Inácia Rezolla, porque só pode ser isso, qual de vocês é o capitão de Abril... Por amor da Nossa Senhora da Morte!
Dona MOsquita, diga-me uma coisa para além de antropóloga... você não é biografa de Carolina Nabuco?
A Mosquita olhou-a.
- Não...
- Então, vai participar no congresso internacional sobre a Política dos Muitos? Quer fazer o quê? A pedagogia dos anos 20 entre Londres e Brasil? Foi por isso que atraiu aquele palhaço do Bambie?
- Lamento informar, disse a historiadora. mas era ele que faz de barata zombie num bar de transformismo, muito apreciado por aqui. Quer imitar as professoras de inglês, escreveu aquela tese mirabolante ...quer imitar a senhora de Winter e Marina. Como deve saber as duas obras têm muito em comum... até acusam a escrita inglesa de ter lido o manuscrito de Carolina Nabuco... então que querem fazer? Ou não era você que acreditava ser a barata zombie? Não acha que o nosso médico está a fazê-la sentir-se culpada da morte da irmã dele? - perguntou a historiadora
- Sabe quem é que está lá a substituir-me? - perguntou Lilith.
- Ela leu tudo , disse que isto era um mundo irreal. É ela que cria os nossos problemas, as mortes, ela está a manipular o filho, como fez com o marido. Ele fugiu desapareceu. Um dia desapareceu, fingiu que morreu. Agora quer fazer o mesmo ao filho. O marido chamava-se Sigmundo Freud... - disse Lililth vá de retro.
Os mosquitos rodearam-na .
- Ela está a delirar ! Deem-lhe um sedativo ! Está louca !
No momento em que Doutora Ainda tenta proteger Lili os mosquitos fazem um escudo e rodeam-na .
- Meu Deus , as dez pragas do Egipto ! O que mais nos irá acontecer ? Aquela mulher é mesmo a morte !!!

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home