fanzine Tertuliando (On-line)

Este "blog" é a versão "on-line" da fanzine "Tertuliando", publicada pela Casa Comum das Tertúlias. Aqui serão publicados: artigos de opinião, as conclusões/reflexões das nossas actividades: tertúlias, exposições, concertos, declamação de poesia, comunidades de leitores, cursos livres, apresentação de livros, de revistas, de fanzines... Fundador e Director: Luís Norberto Lourenço. Local: Castelo Branco. Desde 5 de Outubro de 2005. ISSN: 1646-7922 (versão impressa)

terça-feira, janeiro 06, 2009

O Obcesso

Depois do período das festas natalícias nadamelhor que conhecer aquele que convidamos para o programa de hoje, convidamos uma figura bem conhecida dos portugueses, o obcesso, mas de nome científico servícias dentárias . Ele está aqui hoje para nos falar da sua vida . Quem é, de onde veio e talvez para onde vai .
- Muito boa noite, servícias .
- Servícias não, Ob .
- Ob , desculpe, não entendi .
- Sabe Servícias , não lembra a Cristo, faz lembrar o padre Vítor Melícias , que pertence às Misericórdias . E eu não tenho nenhuma misericórdia .
- Pois é . Era esse mesmo ponto, de que eu gostaria de lhe perguntar. Porquê Ob ?
- Eu uso o perfume Obsession de Calvin Klain quando ataco as pessoas badalhocas que não se importam com a sua higiene oral …
- Como ? –pergunta o jornalista .
- Sim, eu passo a contar-lhe . O meu pai é uma pessoa culta. É dentista. Desde cedo todo aquele ambiente deu-me uma outra visão da vida, ver aquelas bocas podres cheias de cáries , excitavam-me sexualmente, ia para a casa de banho e masturbava-me a imaginar com aquelas bocas cheias de cáries .
- Pare! Pare! Acho que isso é um pouco …
- Não, mas é verdade ! A minha família é católica, ultra – conservadora . Descobri por mero acaso um livro do Marquês de Sade enquanto bebia chá . Toda a gente me dava colherzinhas de chá, achavam-me um nabo, um tolo e eu decidi tornar-me “master “ .
- Desculpe ?
Ob tira um chicote e avança com ele contra o rosto do jornalista , dizendo-lhe :
- Eu sei que o Senhor gosta de ser humilhado , quer sentir a minha dor escravo ?
- Como? – pergunta o entrevistador .
- Você trabalha através de um intercomunicador ? Precisa de umas lições …
O jornalista revela então inconscientemente o seu gosto pela dor :
- Não, não, mestre…
Ob dá-lhe com o chicote junto ao rosto mais uma vez , olha-o . Pergunta-lhe então :
- Gostas pouco , gostas ! Gostas não gostas?
O entrevistador grita de dor e pede misericórdia a Ob. Este por sua vez, pergunta-lhe:
- É bom não é , meu neguinho?
O jornalista tenta dar a volta à questão e fazer-lhe algumas perguntas que lhe permita salvar a entrevista:
- Eu quero é que você me conte como é que se tornou assim tão mau , tão cruel…
Ob sorri ao jornalista observando-o , diz-lhe então:
- Ah! Ah! Você gosta lá no fundo! Até me chamou de mestre !
O entrevistador tenta desculpar-se e tenta ser um evangelizador a Ob para que ele se redima e peça perdão por tudo aquilo que tem feito às pessoas :
- Eu falei no mestre Jesus ! Peça perdão por todas as suas faltas ! Imagine em todo o mal que você fez ! Tente ver o lado da luz !
- Foda-se , não me fale nesse gajo , porque foi à conta dele que eu decidi multiplicar-me , destruir a reputação do meu pai. Se eu tivesse seguido uma vida honesta , hoje… seria ….dentista …bah !
O entrevistado começou a rir-se do jornalista e perguntou-lhe:
- Vá lá! Então você não gosta de brincar? Você não adora comer porcarias até rebentar? Vai agora pedir misericórdia… Você não sabe o que eu vejo no hospital… Quase me venho…


O jornalista não aguentava mais aquele sofrimento , até que decidiu transformar-se e ordenou:
- Modere a sua linguagem homem!
Ob começa a ironizá-lo:
- Homem?! Você acha que é homem? Pensa que não o vi ligar para uma pizzaria , comidas deplástico, hamburgueres cheios de batatas fritas e percorrer a pente fino lojas de doces ?Venha cá ! Queres coleirinha , é meu doentinho? Queres ser o meu cãozinho para gemeres ? !
- Não !Eu quero é que você responda à merda desta entrevista !
- Isso é que você nunca vai ter cara! Eu vim para Portugal , fui sócio de uma sexshop “ Delícia de Veado “ e aí eu me lembrei de me vestir de couro e latex . Fiz muitos filmes pornos . Fiz muita musculação em academia para derrubar muito cara , viu ? Muito cara metido a macho ! Mas que na hora de levar tem a cara deformada !
O jornalista tenta pela última vez salvar a sua entrevista :
- Vamos ver se nos entendemos , meu senhor ! Eu quero que você me conte como …
Ob ataca-o de novo interrompendo a entrevista :
- Ah ! Você voltou a dizer a palavra ! Você adora anadar de boby no hospital , ficar a soro , gemer ! Seu cabra safado ! Me fala das suas aventuras gastronómicas ! Das suas dores , vem anda !
Ob começa a despir-se, mostra o corpo todo torneado usando apenas uns calções bem justos de cabedal.
- Vem agora, cara! Vem cá se é macho!
O jornalista tentapor uma última vez fazer a entrevista :
- Vamos acabar esta entrevista, porra !
- Você quer é? - pergunta Ob sorrindo .
Obcesso dá-lhe então um murro na cara.
- Então? Como é? Vai ou não vai mostrar a sua boca agora?

Obcesso mostra-lhe então um spray e atira-o contra os dentes cheios de cáries.
- Ah! Ah! Estou cheio de dores! Por amor de nosso Senhor! Tenha piedade de mim!
Obcesso tira o chicote da mesa:
- Doente entrevistador! Sala de enfermagem! Enfermeira Piedade ponha-lhe o boby! Dê-lhe a injecção! Eu sou assim não tenho perdão! Quer o meu contacto? Venha ver-me actuar no “Fio Dental “ que eu dou-lhe o arroz, a batatinha e alcachofra! Vem cá seu anjo !Se transforme num lord, num senhor de condomínio podre! A sua imagem! O que é que os outros vão dizer? Detesto os dentes dele! Só pode andar na droga! Vai aí me liga! 21123456789. Estes números 8 e 9 são para fax.

Naquele instante alguém liga para a clínica “ Fio Dental “.-

- Fio Dental, boa tarde, fala a cárie mortal!
- Boa tarde, eu vi o vosso número na televisão e gostaria demarcar uma sessão com o vosso mestre!
- Para quando quer marcar?
- Dá esta noite? – pergunta o cliente com segundas intenções.
- Sim? – pergunta o cliente perante o silêncio do outro lado da linha.

- Sabe, nós somos uma clínica dentária. Trabalhamos em horários honestos … tudo isso que viu na televisão é uma questão de marketing!
- Então não vale a pena , deixe estar…
- Então? Não quer salvar a sua boca?
- Eu não! Para quê? Depois tenho que lavar os dentes ! O que eu gosto é de dor de dentes ! Ter montanhas de obcessos!
- O Senhor é que sabe!
- Quem era? – perguntou o dentista.
- Alguém que te queria como Obsess!
- Desculpa Como é que disses-te?

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home