fanzine Tertuliando (On-line)

Este "blog" é a versão "on-line" da fanzine "Tertuliando", publicada pela Casa Comum das Tertúlias. Aqui serão publicados: artigos de opinião, as conclusões/reflexões das nossas actividades: tertúlias, exposições, concertos, declamação de poesia, comunidades de leitores, cursos livres, apresentação de livros, de revistas, de fanzines... Fundador e Director: Luís Norberto Lourenço. Local: Castelo Branco. Desde 5 de Outubro de 2005. ISSN: 1646-7922 (versão impressa)

quinta-feira, dezembro 25, 2008

Prémio Nobel ou prémio Político ?

Não de hoje nem de ontem a noss a surpresa ou a comum banalidade de que observamos nas páginas dos jornais o nome do vencedor do prémio nobel .Este ano não foi diferente . Este ano calhou a J.M. Le Clézio esse mérito . Adquiri por empréstimo na biblioteca o livro o Deserto , pois os restantes romances deste autor desapareceramou encontram-se esgotados . Até aqui ninguém fazia ideia de quem era este senhor . Apenas que se dedicava à ecologia e a denunciar casos problemáticos de prostituição infantil . De facto virando-nos para a literatura e a estrutura deste romance dão -nos pistas para aquilo que o autor é ... um ecologista . SE estivessemos em Portugal diríamos que fora o famoso ministro da sObras pùblicas a enviar por sms o nome de deserto . Mas não estamos noutro lado . Este romance presentea-nos com descrições poéticas sobre o deserto , uma história tão parada que até decidimos mudra de rumo de um sítio onde não acontece nada , a não ser a boca seca e alucinações sobre um fantástico oasis . Tem sido assim desde a expulsão de Adão e Eva . Este Clézio dá-nos a sua visão parasídiaca e é claro não nos vende o paraíso por telefone nem tem que fazer 4 vendas diárias , não trabalha no telemarketing , nem é testemunha de Joevá . È um activista político e é isso que acontece a todos os vencedores . Doris Lessing deve-o a isso mesmo , como o senhor turco , como o nosso José Saramago . E é aí que gostaria de me centrar . O ano de 1998 . O que é que ele stêm de comum ? Não estão presos num hotel e nem sequer morrem por fazerem anos no mesmo dia... são todos tão sem sal ... que até parece que foram escolhidos precisamente por isso ... ninguém os lê...
José Saramago tem uma escrita estranha.Que roça à oralidade . Serão as suas origens ? Talvez isso.. ou não terá sido porque a sua mulher , uma jornalista de renome, Pilar fez uma campanha política a favor do seu JOsé . Quem lê o seu José . Ama-o ou detesta-o . Recordoo-me então que não havia espaço para este senhor que não me povoa nem de longe , nem de perto simpatia . Lá está ele todos anos ... parado . Com um amor severo a copiar ... uma gargula de um aigreja a dizer que todos nós somos uns tartuffos ... para lembrar um outro autor de teatro italiano e que me evoca aqui a responsabilidade de Moliére ... gostaríamos de por todos esses tartufos numa mesa a serem comidos por um grupo de beatas que à beira mar fumariam o seu Cristozinho e um licor de Jesus CRisto ! Ai Jesus que istoi não tem nada a ver... Já me desgracei ... Pois é terá sido numa dessas lições de português que a Rainha Sofia leu O Ensaio sobre a Cegueira ou a Jangada de Pedra . Alguém já alugou este filme? Para isso deve-se ter divertido a rir ... em Frankfurt um ano antes ... quando Portugal apostou forte na sua cultura . Portugal nunca gastou tanto em livros e na cultura ... Frankfurt é a moda e apasaagem de modelos dos autores , mostram as grandes tendências dos próximos doze meses ... livros encorpados , com flores estampadas com dizeres em russo , ou com o galo de Barcelos ... depois vêm as meninas ligth ...as suas linhas devem-se a bombas gástricas para que as pessoas que as vão ler não engordem ... nem fiquem doidas como as galinhas... Este senhor Saramago ... vence todos ! Dá cartas nas suas provocações ... e lá continua ele feito múmia mal conservado do Museu do Cairo .... E outros escritores como Nadime Gordomer ? Ou Toni Morrison ? Lembram-se de Belloved ? A história de Medeia na cultura afro-americana ? Ou o turco que ganhou o nobel à dois anos ? O Nobel serve da mesma maneira que a notícia de morte d eum escritor ... só são admirados depois de termos flores e uma camada de cal ou cimento a fechar-nos a boca .
- Coitado ! Já morreu ! Era uma pena era ser tão chato ! Nunca li mais do que meia frase ... vamos lá mas é compramos os livros deste gajo para mostarmos que até gostavamos dele apesar de ter umas ideias políticas loucas ... Até são histórias muito bem escritas inadaptáveis ao cinema . Volto a tentar embarcar na Jangada , não consigo ela parte-se ao meio ! Grande merda ! E a Cegueira que se está a abater ... de quem é aculpa , nossa , do leitor , do realizador ou do próprio escritor ? Por quanto tempo mais temos que aguentar esta cegueira ? Qual será o autor mais esquecido ? Para o ano que vem ? Quem será ?
Lembrem-se das palavras sábias de Dorris Lessing quando ganhou o prémio nobel . "Que grande merda ! " Ao que apareceu traduzido "Que maçada !"
Alguém lembrava-se daquela senhora ? Sabia-se que escrevera uns tantos romances , era activista política e escrevera alguns romances de ficção científica ?
Talvez seja isso que o Nobel sirva para mostrar que a Europa ainda serve ... desdenha o imperialismo americano .. nós somos melhores que tu temos mais de dois mil anos de história . E o que dirão daqui a 100 anos os nossos bisnetos , trinetos ?
- Olha lá isto é um prémio nobel ou um prémio político ?

POrque é que os académicos de Relações Internacionais nunca se dedicaram a fazer um estudo sobre a Questão política dos prémios literários?
É caso para dizer qe faz sempre bem correr à livraria comprar o autor nobelizado . Eles estão sempre esgotados na altura . Alguns empregados até respondem:
- È só um minuto que eu vou ver s e ele está cá hoje a trabalhar ! É só um minto ... Sabes se o José Saramago está cá hoje ? È que esta senhora quer saber se ele é cego ?!

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home