fanzine Tertuliando (On-line)

Este "blog" é a versão "on-line" da fanzine "Tertuliando", publicada pela Casa Comum das Tertúlias. Aqui serão publicados: artigos de opinião, as conclusões/reflexões das nossas actividades: tertúlias, exposições, concertos, declamação de poesia, comunidades de leitores, cursos livres, apresentação de livros, de revistas, de fanzines... Fundador e Director: Luís Norberto Lourenço. Local: Castelo Branco. Desde 5 de Outubro de 2005. ISSN: 1646-7922 (versão impressa)

quinta-feira, março 03, 2011

Um novo milagre

Nossa Senhora dos Portões: um novo ícone religioso

As nossas fontes descobriram que numa vila do Norte do País, um grupo de católicos juntou-se e pintou alguns dos portões junto da Igreja da vila. Mas o facto é que estes portões choram lágrimas de luto pelas últimas novidades no campo evangélico, nomeadamente de Bento XVI obrigar todos os homossexuais a entrarem nos seminários. É algo repugnante, afirmou uma paroquiana referindo que, desde essa decisão, o portão chora desmesuradamente lágrimas de luto. Parapsicólogos atestam ser um portão gótico. Mas mesmas fontes revelam que se trata apenas de excesso de tinta que se torna em aparato sobrenatural. Para além do mais, nunca na história da Igreja se viu assim um portão chorar. Na mesma zona, os adolescentes fugindo a tudo quanto é religião juntam-se nos intervalos das aulas e são criticados pelos mestres, pois tornaram-se videntes através do xamon, pois afirmam que a Virgem surge neste local informando os jovens sobre os perigos do sexo sem preservativo. A Virgem está de farta de ser confundida com uma beata que passa a vida ali, a rezar, até porque prefere passar as suas tardes a comprar roupa na Baixa de Lisboa e observar os gays divertidos que sobem a Garrett. Discorda da forma como Bento XVI está a usar os homossexuais para os atrair para a Igreja Católica. Filipe La Féria já idealizou um novo musical intitulado “As sandálias do pescador”, onde um homossexual decide ir para o Vaticano inspeccionar as respectivas casas de banho. O grande ideólogo do novo teatro nacional já pensou em José Castelo Branco para a personagem principal que se chama Evita Descarada. Por tudo isto, a Virgem agora conhecida pela dos portões, prefere dar uns riscos com os estudantes universitários e acha-os interventivos. Está chocada com a forma como são tratados pelos adultos que os consideram como cãezinhos amestrados num circo que mais não é do que a procura do primeiro emprego nos centros do dito cujo. Mas o fenómeno não se fica por aqui, até no McDonald´s a Virgem se fez aparecer mascarando o ketchup com as suas lágrimas. Diz-nos quem viu que a vila devota de Nossa Senhora dos Portões nunca mais será a mesma, principalmente depois da mais recente aparição numa sex-shop. A imagem da Virgem surge num preservativo XXL chorando lá sabe-se o quê…

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home