fanzine Tertuliando (On-line)

Este "blog" é a versão "on-line" da fanzine "Tertuliando", publicada pela Casa Comum das Tertúlias. Aqui serão publicados: artigos de opinião, as conclusões/reflexões das nossas actividades: tertúlias, exposições, concertos, declamação de poesia, comunidades de leitores, cursos livres, apresentação de livros, de revistas, de fanzines... Fundador e Director: Luís Norberto Lourenço. Local: Castelo Branco. Desde 5 de Outubro de 2005. ISSN: 1646-7922 (versão impressa)

quarta-feira, novembro 24, 2010

A comparação do país brinquedos e da aldeia da Roupa Branca

Vinte Raios em Tempestade Terramótica

Tese: A comparação do país dos Brinquedos e aldeia da Roupa Branca

Júri: Professor Doutor Vai-te embora oh papão lá de cima do telhado (Presidente)
Professora Doutora Ainda Saraiva Enguia de Canela (orientador a) e Professora Doutora Hostia Puta Madre (Universidade Abre a Pestana) co-orientadora e arguente

A autora defendeu a tese de que a música "Abram alas para o Nody" tinha elemntos comuns a "Três Corpetes e Um Avental". Nesta comparação a autora defendeu a ideia que as duas músicas escondiam elementos revoluncionários nas lutas estudantis contra a opressão do Estado Novo e ao mesmo tempo a representaçaõ da cor evidenciava a luta pela independência das colónias.

Para a autora O País dos Brinquedos representa o país ideal dos estudantes e da clandestinidade operária. Ao mesmo tempo a autora analisa ainda as fortes raízes de que a música tem com o forte nacionalismo comunista. A autora foi presenteada com um livro de pintar "Nody está no parlamento" no infantário Birras e Manhas.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home