fanzine Tertuliando (On-line)

Este "blog" é a versão "on-line" da fanzine "Tertuliando", publicada pela Casa Comum das Tertúlias. Aqui serão publicados: artigos de opinião, as conclusões/reflexões das nossas actividades: tertúlias, exposições, concertos, declamação de poesia, comunidades de leitores, cursos livres, apresentação de livros, de revistas, de fanzines... Fundador e Director: Luís Norberto Lourenço. Local: Castelo Branco. Desde 5 de Outubro de 2005. ISSN: 1646-7922 (versão impressa)

segunda-feira, dezembro 01, 2014

Leonardo e o Mar

Leonardo era um rapaz apaixonado pelo mar . Todos os elementos que o caracterizavam as ondas e a calamidade levavam-no a querer do mar as ondas possantes do mar , travessas como um um pónei , prestes a fugir-lhe das mãos . Leonardo amava o sabor da aventura misturado com uma pitada de perigo , não era por caso que ele se dava tão bem com João . A quem ele considerava o seu melhor amigo e lhe confidenciava todas as suas aventuras ,boas ou más , as suas tristezas e alegrias .... João era sem dúvida o seu melhor amigo ! Por isso eles andavam tantas vezes juntos e daí a vontade de explorar o mar era partilhada várias vezes , até que um dia encontraram uma garrafa vazia boiando com um envelope .
Aproximaram-se da garrafa e puxaram a rolha de cortiça e retirar o envelope da garrafa que estava dobrado e em seguida um estranho papel que estava amarelecido pelo tempo . Desdobraram o envelope e o papel amarelecido . E nele estava a indicação de uma ilha deserta . Os dois amigos decidiram em seguida viajar até à misteriosa ilha que os levava a caminhar em direcção à ilha e por em práticas as suas teorias . Assim sendo , os dois seguiram as indicações do mapa até chegarem à famosa ilha . Mas acabaram por ter uma desilusão tão grande que se sentiam enganados !
- Oh ! Meu Deus ! Aquilo só podia ser uma brincadeira de mau gosto ! Tinham brincado com eles mesmos . Enquanto Leonardo ficara cabisbaixo , João continuou a procurar a famosa ilha . Até que uma altura descobriu uma vegetação imensa , árvores altíssimas , e uma luz e sombra de uma beleza rara que faziam daquele local uma jóia rara de uma oitava ou nona maravilha do Mundo . Aquele era realmente um excelente tesouro ! E a partir daquele dia sempre que podiam perdiam horas naquele local explorando novos locais e participando em novas aventuras .




0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home