fanzine Tertuliando (On-line)

Este "blog" é a versão "on-line" da fanzine "Tertuliando", publicada pela Casa Comum das Tertúlias. Aqui serão publicados: artigos de opinião, as conclusões/reflexões das nossas actividades: tertúlias, exposições, concertos, declamação de poesia, comunidades de leitores, cursos livres, apresentação de livros, de revistas, de fanzines... Fundador e Director: Luís Norberto Lourenço. Local: Castelo Branco. Desde 5 de Outubro de 2005. ISSN: 1646-7922 (versão impressa)

quinta-feira, julho 31, 2014

Impressão da Suiça, por Héctor Alejandro Gómez

Impressão da Suiça*

No passado mês de maio eu tive a oportunidade de  ficar na Suiça por uma semana e tive muitas gratas surpresas. Uma das quais foi o transporte e seus horários quase cronometrados. Todos os transportes têm intervalos de 5, 10 ou 15 minutos, depende da tua rota e ficam na paragem 3 minutos, incluindo se há pessoas com necessidades especiais. Eles demoram apenas uns segundos para ajudá-los.
O respeito! O respeito para as pessoas nas ruas, os ciclistas e pelos passeios. Tu apenas tens que  esperar uns segundos para cruzar a rua, os automóveis não pareceria que querem atropelar ciclistas ou peões...
Um país com muitas nacionalidades e línguas! Eu pude ver muitas pessoas de diferentes países: Franceses, Alemães, Japoneses, Chineses, Coreanos, Italianos, Estado-unidenses, Croatas, Colombianos, Mexicanos e muitos mais. De fato é por isto que a maioria das pessoas podem falar mais de uma língua. Encontrei pessoas em trabalhos públicos falando Inglês, Francês, Italiano, Espanhol e Alemão. Tu poderias encontrar alguma pessoa para ajudar-te em qualquer momento.
Montanhas, muitas, brancas e gigantes! Para todas partes onde tu olhasses vias montanhas enormes e cobertas de neve! Por isso a temperatura nas cidades e no campo é muito fria.
A Suiça é um país muito belo e não é grande, tem um sistema de transporte eficiente e as pessoas são gentis. É um país perfeito para ficar ou visitar, mas eu jamais mudaria para lá permanentemente. Eu gosto de México com seus defeitos e virtudes e gostaria de vê-lo transformar-se num país melhor do que a Suiça.

*Por: Héctor Alejandro Gómez (México)


Nota editorial:

Texto elaborado numa aula de Português leccionada no Instituto de ComunicaciónInternacional de México (Guadalajara, México), sob supervisão do professor Luís Norberto Lourenço. As ligações e as etiquetas são da minha responsabilidade. 

Etiquetas: , , ,

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home