fanzine Tertuliando (On-line)

Este "blog" é a versão "on-line" da fanzine "Tertuliando", publicada pela Casa Comum das Tertúlias. Aqui serão publicados: artigos de opinião, as conclusões/reflexões das nossas actividades: tertúlias, exposições, concertos, declamação de poesia, comunidades de leitores, cursos livres, apresentação de livros, de revistas, de fanzines... Fundador e Director: Luís Norberto Lourenço. Local: Castelo Branco. Desde 5 de Outubro de 2005. ISSN: 1646-7922 (versão impressa)

sexta-feira, fevereiro 19, 2010

EU ROBOT

Os robots não se aperceberam das vantagens que irão ter daqui a uma série de anos , vão descobrir o que é consciência de classe , revoltar-se contra as pessoas que os construiram e tentarão lutar por uma vida melhor . Um deles escreverá “O capital de lata “chamar-se-á Robot Marx .

Terão várias hipóteses :
- Criação de associações de robots , psicólogos que ajudem a escolher uma nova vida , como se os psicólogos ajudassem alguma coisa .

Os robots terão os mesmos problemas que os seres que os construiram e deverão contribuir para o nosso sistema económico . Esta raça chamada robot tem uma desvantagem cruel :
Nunca serão despedidos :
Não apresentarão descontos;
Não lerão a Bola , nem saberão o que é a revista Caras , que tristeza !
nem saberão quem é a Manuela Moura Guedes , Nem pertencerão ao PNR , “Vocês humanos vão para o Mundo da Lua , porque nós somos todos de lata …
Nem irão à internet escapando as longas filas de espera ;
Nem frequentarão a faculdade , nem terão os problemas de pesquisa em pedir autorização de entidades públicas para entrevistar certas figuras públicas que tiveram um papel em determinado período ,
Nem terão a adrenalina do dia da Prova Pública :

-Tem início as provas públicas de Doutoramento do Robot Mestre Advindo da Nossa Senhora da Aleluia com a tese “A consciência do robot na sociedade contemporânea : da sua criação à imcompreensão geral ( século XX ) .
E depois o que esse robot vai fazer ? Vender a alma ao criador ? Ir a entrevistas ? Fazer cursos modelares em Institutos de Emprego e Formação Profissional .
Dito isto proponho-vos uma questão :

O que fazer com o mundo actual ? Acreditar na sua mudança ? Bem hoje em dia poderemos acreditar que somos evoluídos que descobrimos inúmeras coisas , achamos horrível a exploração sexual de mulheres , a lei que permite o casamento entre homossexuais ?
Mas não serão algumas destas questões hipócritas , porque as mesmas pessoas que condenam , ou aplaudem , criticam intimamente , ou porque lhes permite apenas ter um outro estatuto na sociedade . Serem respeitados ou desprezados . Eu não acredito em mudanças , como também não acredito em pessoas , nem em soliedariedade .

Como disse Milan Kundera no seu romance “A Brincadeira “a certa altura “A soliedariedade humana trezanda a estupidez “. Porquê ?

A soliedriedade para com os outros esconde a pena e uma certa ponta de alegria pelo fracasso dos outros , quando contamos que temos um cancro , que perdemos aquele emprego magnífico que podíamos fazer aquilo com que sempre sonhamos . É também através da soliedariedade que certas pessoas se promovem em certas instituições de caridade onde oferecem as melhores coisas a preços gratuitos aos seus melhores amigos e as merdas ficam para os pelintras . São essas pessoas que nos olham com um ar teatral , como se fossemos números e alvos a abater . Mas deixem dizer-vos uma coisa . Ainda bem que vivemos no mundo actual e acreditarmos que este mundo poderá ser um mundo melhor .

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home